janeiro 17, 2017 - No Comments!

Ciclista tem perfil??? Qual seria o seu???

Você sabe quais são as fases dos ciclistas??? Seja como for em algum momento você irá passar de ciclista iniciante para intermediário e avançado. Pensando em começar o ano com nossa nova série de artigos decidimos trazer um conteúdo mais leve e que reflete em questões gerais de todos os amantes da bicicleta.

Pode ser muito constrangedor não saber que nível de ciclistas você se encaixa. Independente do momento em que você se encontra no mundo da bike é importantíssimo conhecer seu nível. Afinal, participar de um passeio ciclístico pode ser tranquilo para qualquer ciclista, diferente do que acontece nos grupos de pedais. Saber se você tem um nível adequado para aquele grupo de pedal é não sofrer e não passar vergonha. O mesmo serve para os intermediários/avançados que acreditam que podem participar de certas provas de ciclismo!

Dividimos três momentos/fases que os ciclistas se encontram. Assim, fica fácil identificar suas atividades e evitar transtornos na hora de pedalar.

CICLISTAS INICIANTES

O recomeço do pedal na vida adulta é traçado de diferentes objeções e travas. Medos, preconceitos, restrições e obstáculos são colocados diante de nós quando subimos na magrela. Hoje com a popularização desse meio de transporte os grandes centros foram obrigados a adotar estratégias que melhorassem o acesso de quem deseja adotar a bicicleta como meio de transporte e lazer. Tirando o ciclista da invisibilidade no trânsito urbano colocando mais segurança quando deseja pedalar pela cidade.

Políticas públicas foram desenvolvidas, e nas grandes cidades, a importância em se ter uma ciclovia se tornou essencial para quem deseja adotar um meio alternativo de locomoção e lazer. Com essa legitimidade ciclística a atividade de locomoção fez com que houvessem aumentos na construção de ciclovias, dobrando o número de ciclistas principalmente do sexo feminino. Essas ações e a circulação de bikes em ruas e avenidas melhorou o entendimento de motoristas quanto ao compartilhamento de vias (Mesmo que em casos isolados isso não ocorra! “Acidentes devido ao desrespeito”). Essas leis tornaram a prática da bike nas cidades mais segura e atraente aos ciclistas iniciantes.

Com os mapas do google sempre atualizados podemos saber onde estão as ciclovias, ciclofaixas e ciclorotas. Facilitando a demarcação do trajeto que desejamos percorrer. Com o trajeto desenhado é hora de lembrar das recomendações que devem ser respeitadas no pedal urbano, andar próximo dos carros estacionados pode lhe causar um grande tombo e acredito que esse não é seu objetivo, não se esqueça as portas dos carros serão sempre sua inimiga. Andar desatento em alta velocidade é um grande risco a sua vida (já que aproveitamos os asfaltos para acelerar nossas bikes!). Ande sempre na sua mão e nada de se arriscar na mão contrária. Siga essas dicas básicas e não passe por constrangimentos.

Esse momento inicial do ciclista não deve ser traumático e deve ser respeitados seus limites e suas restrições. Se você se encaixa nesse perfil fica ligado no que pode fazer para se estimular e motivar a pedalar sem que esteja sozinho. O que pode ser feito é procurar um grupo de pedal iniciante que realize seus pedais na cidade. Como exemplo, vou citar um dos grupos bem bacanas que existe na cidade onde resido atualmente: The Urban Cyclists, esse pessoal percorre as diversas ruas e ciclovias da cidade de Sorocaba-SP saindo todas as terças-feiras e quintas-feiras com saída às 19:00 hs do Parque das Águas, com o grupo vai diferentes tipos de pessoas com seus diferentes níveis de condicionamento físico.  O pessoal tem como lema: Todos saem juntos e todos chegam juntos, ninguém fica para traz!” com nível médio e com distâncias entre 30 km. Segue o link do grupo: https://www.facebook.com/groups/814984771939050/

CICLISTAS INTERMEDIÁRIOS

Com a experiência, novas aventuras são um grande pedido para quem deseja aventurar-se nos pedais. Consideramos aqueles que já pedalam há 1 ano e que já enfrentaram diferentes condições de trajetos, terrenos, equipamentos e experiências. Sendo considerados indivíduos intermediários naquela atividade, isso por que, essa experiência traz uma vasta condição de desafios ao longo desse tempo.

E sair por aí nesse mundão é o próximo passo de um iniciante/intermediário. Pedais mais longos começam a aparecer e ser um dos objetivos de quem gosta de mexer as canelas. O cicloturismo em algum momento é o pedido de aventura, e saber alguns destinos bacanas para fazer sua viagem é fundamental para desenvolver mais essa experiência. Confira as nossas dicas para a sua viagem:

Praias da Bahia – Com paisagens deslumbrantes, gastronomia e hospedagem as rotas da costa dos coqueiros no norte e rota do descobrimento no sul deu um toque de desafios para quem deseja se aventurar por essas áreas.

Caminho da fé – Considerada Santiago da Compostela brasileiro, é bem sinalizada durante todo o trajeto e recebe muito bem seus visitantes que sempre cruzam por peregrinos que estão indo com destino a Aparecida do Norte – SP, com 475 km de trajeto por trilhas, vilarejos, rios, cachoeiras e bosque, torna-se uma atração com belas paisagens na serra da Mantiqueira.

Pedal no sertão – Considerada como a Slick Rock (EUA) brasileira o nordeste tem suas trilhas banhadas por rios, grandes formações rochosas e lajeados que vão dar aquele toque de adrenalina.

Vale do europeu – Como o nome diz, um grande vale dentro do Brasil com características estrangeiras. Com seus 328 km, começa e termina em Timbó-SC. O circuito reúne grandes paisagens envolta de origens étnicas e herança cultural sem palavras.

Essas grandes cicloviagens e também aquelas que duram apenas um dia são uma das formas do ciclista traspor os perfis. Vale ressaltar que essas experiências vão precisar que seu condicionamento físico começa a ser mais efetivo e que aumente com o tempo.

CICLISTA AVANÇADO    

Chegar nesse ponto não quer dizer que você é melhor ou pior de quem está começando. Simplesmente significa que você irá se sair melhor nos desafios encontrados pela frente. Desde os trajetos como das inesperadas situações que começam a aparecer durante as trilhas.

Estar preparado fisicamente e psicologicamente ajuda o indivíduo a repensar seus pedais e começar a se dedicar em algo mais desafiador. Como por exemplo as competições curtas e de longa distâncias.  Vejamos aqui os grandes desafios exigidos em uma das principais provas realizadas no Brasil: O festival Brasil Ride realizado em Botucatu-SP, com a melhora do condicionamento e conhecimento sobre o esporte mais adeptos procuram provas amadoras nas quais ele possa se desenvolver e sentir aquela adrenalina das primeiras trilhas novamente na corrente sanguínea, com terrenos sempre diversos, competidores com energia para lhe vencer e adrenalina em alta a todo momento.

Os cuidados aqui devem ser direcionados a hábitos diferentes de iniciantes e intermediários. As rotinas exigem treinamentos diários, alimentações controladas e descanso adequado. Isso faz com que o “sucesso” no tempo de provas e a subida ao pódio seja mais “fácil”, e que não arrisque sua saúde e sua qualidade de vida. Estar preparado é um dos principais pontos a ser observado pelos adeptos dessas aventuras competitivas.

O que aprendemos com esses perfis é que cada um terá uma adequação e aproximação maior em determinados aspectos no mundo do ciclismo. Seja escolhendo pela modalidade mais adequada a ele, como com as características que melhor envolvem seu desempenho.

O importante é que independente do perfil em que você venha a escolher, estar próximo a profissionais que se dediquem a conhecer sua individualidade e adeque sessões de pedais solitárias ou em grupos é fundamental para a sua segurança física.

Pensando nisso nós do PB Personal Bike focamos em desenvolver uma relação melhor com o profissional de Educação Física que estará ao seu lado. Colocamos o Personal Biker em todos os momentos do seu pedal. Desde a organização para sair para as trilhas até o seu retorno, sendo estruturado, organizado e acompanhado seus pedais. Tudo isso sem a presença física do profissional, sendo essa atividade a distância e online.

Venha conhecer um pouco mais sobre nosso trabalho e descubra os grandes benefícios em se ter um Personal Biker ao seu lado.

CLIQUE AQUI E ESCOLHA O MELHOR PLANO PARA VOCÊ

Published by: Heron Soares Santos in SEM CATEGORIA

Leave a Reply