maio 11, 2016 - No Comments!

Qual a influência da boa condição da musculatura da sua barriga para o ciclismo?

Para quem não acha que o fortalecimento do core (músculos encontrados na barriga) é importante, aqui vai a dica da semana:

Quanto melhor a estabilização dessas musculaturas melhor o desempenho durante a pedalada. A explicação para esta afirmação é que o fortalecimento das musculaturas que envolvem o centro do corpo (abdominais, paraespinhais e glúteos) auxiliam durante o movimento de impacto que o corpo sofre ao pedalar, minimizando o gasto energético. Essa estabilização acontece devido a melhora na resistência a fadiga dessas musculaturas, diminuindo os riscos que os joelhos tem quando expostos ao estresse da pedalada durante o esforço.


Esclarecer e informar sobre uma boa estabilidade do core ao ciclista é de fundamental importância para a sua implementação durante os treinamentos.
Para isto analisamos o artigo de Abt, 2007 que teve como objetivo determinar as relações entre os mecanismos do ciclismo e a estabilidade do core. Nele utilizou-se de 15 ciclistas que competiam, os mesmos realizaram dois testes:
Teste 1: Performance em um protocolo de rampa sobre a bike.
Teste 2: Fadiga das musculaturas do core através de circuitos de força com 4 séries de 40s, com pausa de 20s entre as séries. Imediatamente após as medidas foram realizadas pelo aparelho isocinético verificando a fadiga muscular, retornando ao teste de rampa na bike.
Quando avaliou o Pico de torque (N.m), Total de trabalho (J), Pico de repetição de trabalho total (J), Potência média (W) e Pico de torque médio (N.m) todos sobre o core pós e pré fadiga, os resultados mostraram-se significativamente melhores. Quanto aos movimentos de joelho em amplitude os resultados também se mostraram satisfatórios com diferenças significativas.
Por tanto, a análise sobre o estudo apresentado além de mostrar que é benéfico a utilização do treinamento de força para o core prolongando o tempo de fadiga. Mostra também, que a amplitude de joelho é essencial para minimizar os riscos de patologias.
Na aplicação prática sobre o treinamento do MTB é importante percebemos que um treinamento com características de fortalecimento dessa musculatura são de grande importância durante o início das temporadas, ou durante a diminuição das sessões de treinos sobre a bike. Lembrando que a característica deste circuito utilizados pelos autores tiveram como foco a melhora da resistência de força com características anaeróbias láticas.

Quer melhorar os prejuízos sobre a articulação do joelho e a qualidade da pedalada, realize um bom trabalho de resistência de força nas musculaturas do core no início das temporadas e durante as diminuições das sessões de treino sobre a bike.

Fica a dica bons treinos!

Referências:
ABT, J., P.; SMOLIGA, J., M.; BRICK, M., J.; et al. Relationship between cyclin mechanics and core stability. Journal of Strength and Conditioning Research. 2007.

Published by: Heron Soares Santos in TREINAMENTO

Leave a Reply